Current track

Title

Artist

Current show

Current show

Background

AGORA VAI

Written by em 29 de junho de 2020

Finalmente estou confiante. Agora o futebol volta. O colorado avisou que se a bola não rolar em dois meses o time quebra. Tá na hora do MP mais vermelho do mundo entrar em campo e autorizar a volta do futebol. Com a mesma disposição que fez questão de melar o negócio da Arena, inventando entraves mesmo com todas as partes (Grêmio, empreiteira, bancos, Prefeitura) de acordo. Agora vai. O campeonato recomeça mesmo que estejamos sob bandeira preta em Porto Alegre.

O que eu achei que nunca fosse acontecer aconteceu. Um partido político achou suspeito o negócio do colorado, de receber um terreno avaliado em 60 milhões de reais por uma contrapartida de 4, e pediu explicações. Milagre. Uma pena que não vai passar muito disso. O clube e os suspeitos de sempre da IVI já começaram a tachar a ação dos tribunos de clubistas, o que logo vai ser seguido por alguém da justiça, que vai dizer que é assim mesmo e vai deixar isso pra lá. Foi assim com o Beira Rio. O clube devia ter dado em contrapartida ao Estado cinco escolas. Nunca deu e nunca lhe foi cobrado. Assim como o estádio funcionou até a reforma sem o ‘habite-se’, que sempre foi tão cobrado do Olímpico e da Arena.

No mais… tivemos o privilégio de ver a IVI cornetando Artur, mordida de raiva pelo jogador ter sido vendido do Barcelona para a Juventus. Faz sentido. Quando ele jogava aqui já diziam que ele era normal, mas favorecido por entrar num time arrumado, ao contrário do Príncipe Charles, que era colorado e entrava num time não tão redondo assim. São os mesmos que diziam que Paulão era melhor que Geromel e Valdivia muito melhor que Luan. Estranho vai ser quando chegarem à conclusão que algum gremista joga mais que alguém que veste a camisa vermelha. Conhecemos nosso eleitorado, nada nos surpreende mais.

FOTO: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA


Reader's opinions

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *



Continue reading